O Autódromo Internacional do Algarve passou a contar, desde esta Quinta-feira, 10 de Agosto, com a incubadora de empresas “Startup Portimão”.

O espaço é constituído por 12 salas, com capacidade para receber um total de 40 pessoas. Cada uma delas pode ser ocupada por elementos de uma única empresa ou de várias. Caso o interesse dos empreendedores seja superior ao expectável, há a possibilidade de aumentar o número de salas.

Para além destes espaços, há outros de lazer, para refeições, desporto e reuniões, através dos quais se pretende levar a que os empreendedores que ali venham a instalar-se se encontrem, discutam, partilhem conhecimentos e experiências, no fundo, criem uma rede que contribuirá para o benefício de todos, referiu na apresentação, Luís Matos Martins, da empresa “Territórios Criativos”, responsável pela gestão da incubadora.

Esta é a “concretização de um sonho”, referiu, na ocasião, a presidente da Câmara de Portimão, Isilda Gomes. A autarca já há algum tempo que pretendia encontrar uma solução que permitisse aos jovens da terra concretizar os seus projectos empresariais sem a necessidade de gastarem muito dinheiro. Agora passam a ter a possibilidade de se instalarem no espaço a partir de apenas 40 euros mensais.

A concretização do “sonho” da autarca começou a tomar forma a partir do momento em que o administrador da empresa proprietária do Autódromo, Paulo Pinheiro, disponibilizou o espaço à Câmara, a título absolutamente gratuito, fez questão de frisar.

A partir daí entrou em campo a “Territórios Criativos” que está ligada a outras estruturas de género em diversos pontos do país. Agora, com tudo pronto, Luís Matos Martins vai virar a sua atenção para os empreendedores que já manifestaram intenção de aí se instalar, pelo que espera que, a muito curto prazo, as salas comecem a ficar ocupadas.

Partilhar: