O Município de Lagoa integra a lista da nova Presidência da Rede de Autarquias Participativas

Nos passados dias 20 e 22 de dezembro de 2021 decorreu a votação para a eleição da nova Presidência à Rede de Autarquias Participativas – plataforma de colaboração entre Municípios portugueses, que reúne atualmente 54 membros, da qual o Município de Lagoa é membro desde 2018 – sendo que a lista vencedora e única candidata ao processo eleitoral é presidida pelo Município de Valongo, juntamente com Lagoa e os Municípios de Braga, Funchal, Fundão, Guimarães, Lagoa – Açores, Lourinhã, Maia, Mealhada, Odemira, Torres Vedras e a União de Freguesias de Massamá e Monte Abraão, na qualidade de Vice-Presidentes.

Lagoa continua empenhada neste trabalho em rede, no sentido de melhoria continua das dinâmicas participativas no seu território, onde se visa ampliar e melhorar as práticas de cidadania e o diálogo produtivo entre os vários agentes sociais para instigar à inovação, à criatividade e à participação proactiva da e para a comunidade.

Existe um forte investimento de Lagoa na formação e capacitação dos mais jovens para a intervenção no espaço público através de projetos promotores do contacto entre quem dirige e gere o concelho e os/as estudantes, no sentido de estimular a sua criatividade para o bem-estar e o desenvolvimento sustentável do território e das suas pessoas, ao mesmo tempo que se procura continuar a apostar na escuta ativa junto dos cidadãos e cidadãs através de processos de participação pública, nomeadamente os Orçamentos Participativos.

Implícito ao desafio exposto, está a necessidade em fortalecer o regime democrático, impedindo as tendências crescentes de populismo e radicalização da sociedade, de notícias falsas e de afastamento das pessoas da vida política, em particular dos/as mais jovens.

“É com enorme satisfação que vejo Lagoa integrada na Rede de Autarquias Participativas. A inclusão de Lagoa nesta estrutura colaborativa que congrega todas as autarquias portuguesas comprometidas com o desenvolvimento de mecanismos de democracia participativa a nível local, é mais uma confirmação do nosso compromisso em continuar a dar passos firmes na construção de um concelho melhor, através de uma verdadeira cidadania ativa e participativa, principalmente junto dos mais jovens. “, refere Luís Encarnação, presidente da Câmara Municipal de Lagoa.

Câmara Municipal de Lagoa

Partilhar:

Facebook
Twitter
Pinterest
LinkedIn

Artigos Relacionados

9CCD0B9C-5D13-4D12-B6EA-DD5102230AF1

Taxas Euribor sobem a três e a seis meses e caem a 12 meses

Natal é no Comércio Local Lagos

Lagos vive a magia do Natal com novidades

insta_chegada-do-pai-natal_SBMessines

Pai Natal chega a São Bartolomeu de Messines nos dias 3 e 4 de dezembro