Festival dos Descobrimentos quase a chegar a Lagos

Já na sua 11.ª edição, o evento decorrerá de 4 a 7 de maio no centro histórico da cidade e será dedicado a D. Sebastião e aos 450 anos da Elevação de Lagos a Cidade. Num formato renovado e numa área ampliada, o festival terá muito para oferecer aos visitantes, desde espetáculos, polos temáticos interativos, recriação histórica, exposições, conferências, animação permanente, Cortejo Histórico, Feira Quinhentista, entre outras surpresas.

A última edição do festival decorreu em 2019, mas a paragem deu mote para se preparar um grande regresso deste que já é um dos eventos de referência do Algarve, especialmente num período de época média/baixa. Assinalando-se este ano 450 anos desde que D. Sebastião elevou Lagos à categoria de cidade, o jovem monarca será o grande protagonista deste evento, marcando grande parte da programação preparada para os quatro dias.

O Festival dos Descobrimentos arranca no dia 4 (14h30) com o Cortejo Histórico ao longo da Avenida dos Descobrimentos, envolvendo a comunidade escolar lacobrigense, associações culturais e figurantes, algo que se tem mantido como o coração do evento. Esse momento marca o arranque do festival, o qual inclui a Feira Quinhentista, acolhendo um número recorde de participantes que incluem artífices, artesãos, mercadores e taberneiros.

Por todo o recinto, existirão vários polos temáticos em que a intenção é entrar numa viagem no tempo e interagir com a nossa História – Mostra de Armas (Forte Ponta da Bandeira), Acampamento Mouro de Mulei Mohâmede Almotauaquil (Jardim da Constituição), Instrumentos de Tortura (Armazém Regimental), Vida a Bordo de uma Caravela (Caravela Boa Esperança), Jogos para Famílias (Jardim da Constituição), Vila Notável (antigo Hospital de Lagos) e Construir uma Caravela (exterior do Forte Ponta da Bandeira) são algumas das experiências que terá oportunidade de viver.

A animação será constante pelo recinto e nos três polos de atuações – Palco da Muralha, Palco do Infante e Arco de S. Gonçalo – a qual incluirá música de índole cristã e árabe, percussão, dança oriental, estátuas vivas, teatro infantil, marionetas, encenações, torneios de cavalaria, espetáculos de fogo, entre outros. O ponto alto da programação diária acabará por ser os três grandes espetáculos que estão a ser preparados – KauDeDRAC (4 e 5 de maio), A Última Nau (6 e 7 de maio) e Dia de Aniversário d’El Rei (6 e 7 de maio), com momentos mágicos de artes performativas, efeitos de luz e pirotecnia.

Sendo um evento de acesso gratuito, uma das novidades desta edição será as duas experiências pagas, mas que vêm reforçar o programa do festival e levar os participantes aos tempos dos Descobrimentos e Renascimento – Navegador por um Dia – Passeio na Nau Santa Bernarda (4 a 7 de maio) e Ceia Quinhentista (7 de maio, Messe Militar). Os bilhetes para as duas iniciativas já estão à venda e podem ser adquiridos através do site do festival.

Mas a programação não se fica por aí, com outras atividades a ter lugar em equipamentos culturais e museológicos de Lagos ao longo desses dias, como a Biblioteca Municipal, Forte Ponta da Bandeira, Mercado de Escravos e Centro Ciência Viva de Lagos. De destacar também as visitas guiadas (com inscrição gratuita também no site do festival) e o ciclo de conferências que terá lugar a 6 de maio no Centro Cultural de Lagos, também dedicado ao jovem rei e aos 450 anos da Elevação de Lagos a Cidade, garantindo uma componente científica e pedagógica que enriquece o evento.

Naturalmente, a realização do evento implicará condicionantes ao trânsito, nomeadamente o encerramento ao trânsito entre a rotunda D. João II e os Bombeiros Voluntários de Lagos das 13h30 às 16h30 do dia 4 de maio e na Praça do Infante entre os dias 4 e 7 de maio entre as 15h00 e as 24h00. O Aviso pode ser consultado na íntegra aqui.

Com uma programação destas, quem sabe se D. Sebastião não fará uma visita ao Festival dos Descobrimentos? Venha descobrir!

Para mais informações e programação detalhada, consulte o site do Festival dos Descobrimentos.

Câmara Municipal de Lagos

Partilhar:

Facebook
Twitter
Pinterest
LinkedIn

Artigos Relacionados

Diretor:
Miguel Ângelo Morgado Henriques Machado Faísca
Nº de inscrição na ERC:
124728