Centenário da Sociedade Recreativa Popular – Banda Musical Castromarinense celebrado com muita música e inauguração de exposição de memórias

A Sociedade Recreativa Popular – Banda Musical Castromarinense celebrou no sábado, dia 4 de maio, o seu 100.º aniversário, com muita alegria e uma programação cultural que incluía atuações musicais, a inauguração de uma exposição e bandas convidadas.

O dia começou com uma receção do grupo musical local às bandas convidadas, a Filarmónica Artística Pombalense e Banda Filarmónica Artistas de Minerva, que percorreram as ruas da vila em arruada, cumprimentando entidades, sócios e população.

Para este aniversário o Município de Castro Marim preparou uma exposição na Casa do Sal, intitulada “100 memórias – 100 anos da Sociedade Recreativa Popular – Banda Musical Castromarinense”, que pretende recordar o nascimento deste importante grupo a 4 de maio de 1924.

Esta exposição, patente durante cerca de dois meses, é uma oportunidade de viajar no tempo e de reviver momentos marcantes, contando com um acervo da própria sociedade e de particulares, que cederam registos documentais e objetos, recordando a história da Sociedade Recreativa Popular – Banda Musical Castromarinense, retratada através de objetos antigos como bandeiras, fardas, divisas, instrumentos e recortes de imprensa.

O dia culminou com atuações da Banda Musical Castromarinense, da Filarmónica Artística Pombalense e da Banda Filarmónica Artistas de Minerva, que encheram a Casa do Sal.

A Sociedade Recreativa Popular – Banda Musical Castromarinense é uma das instituições mais importantes do concelho e um orgulho para o Município, fundada com um fim mais diverso do que a música, tendo ao longo da sua vida marcado presença em festas, cerimónias e celebrações, além de elevar o bom nome de Castro Marim.

A exposição será posteriormente enriquecida com a realização de várias atividades, encontros e ensaios in loco, com este 100.º aniversário a continuar a ser assinalado ao longo de todo o ano, incluindo um concerto a 24 de junho, Dia do Município de Castro Marim, com a participação dos UHF, no Revelim de Santo António.

A participação desta sociedade na vida social, cultural e recreativa de Castro Marim teve um profundo impacto na comunidade durante várias décadas, tendo ganho dinâmica com a Revolução dos Cravos de 25 de abril de 1974, que celebra este ano o seu 50.º aniversário.

A Sociedade Recreativa Popular – Banda Musical Castromarinense não é apenas um conjunto de músicos, é uma família que se reúne para ensaiar, compartilhar histórias e criar algo maior do que a soma das suas partes individuais.

Este grupo cria crianças e jovens, arrasta famílias e amigos, constrói laços para a vida e transforma a essência humana de todos os que por lá passam, com o empenho e dedicação de todos os dirigentes, maestros, músicos, familiares e autarcas.

Câmara Municipal de Castro Marim

Partilhar:

Facebook
Twitter
Pinterest
LinkedIn

Artigos Relacionados

Memória em Ação: As minhas Memórias, a Nossa História

Dia Internacional dos Museus celebrado em Lagos com memórias de Abril

Animal-100-CROAF

Centro de Recolha Oficial de Animais de Faro já recolheu um total de 1000 animais

Campanha-vacinacao

Campanha oficial de vacinação antirrábica 2024 arranca nas freguesias do concelho de silves

Diretor:
Miguel Ângelo Morgado Henriques Machado Faísca
Nº de inscrição na ERC:
124728