Campanha “Taxa Zero ao Volante” começa hoje a alertar para riscos de álcool e condução

“Taxa Zero ao Volante” é o mote de uma campanha de sensibilização para os riscos de condução sob efeito de álcool que começa hoje, lembrando a GNR que um terço dos condutores mortos em acidentes tem álcool no sangue.

A campanha de segurança rodoviária é da responsabilidade da Autoridade Nacional de Segurança Rodoviária (ANSR), GNR e PSP e decorre até quarta-feira, alertando em vários locais do país para os riscos da condução sob influência do álcool.

Num comunicado conjunto a anunciar a campanha as três entidades alertam que um em cada três condutores mortos em acidentes de viação “apresenta uma taxa de álcool no sangue igual ou superior a 0,5 g/l”, e que “três em cada quatro destes condutores apresentam uma taxa igual ou superior a 1,2 g/l”.

O documento assinala que vários estudos científicos demonstram que conduzir sob a influência do álcool causa perturbações cognitivas e de processamento de informação, alterações na capacidade de reagir a imprevistos, e descoordenação motora.

O álcool também diminui o campo visual, provocando a chamada visão em túnel, dizem os responsáveis, concluindo que a perda de capacidades, aliada a alterações de comportamento (por exemplo euforia), “aumentam de forma muito significativa o risco de envolvimento em acidentes rodoviários”.

A campanha inclui ações de sensibilização da ANSR e operações de fiscalização, pela GNR e pela PSP, com especial incidência em vias com mais trânsito em Lisboa, Setúbal, Figueira da Foz, Porto e Faro.

A ANSR, a GNR e a PSP salientam que com uma taxa de álcool no sangue de 0,5 g/l o risco de sofrer um acidente grave ou mortal duplica.

Lusa

Partilhar:

Facebook
Twitter
Pinterest
LinkedIn

Artigos Relacionados

banner-ni-20240301

Município de Lagoa do Algarve Brilha na Bolsa de Turismo de Lisboa 2024

agitação marítima

IPMA coloca sete distritos sob aviso laranja devido à agitação marítima

IMG_7079

Obras do concelho de Faro foram distinguidas com o prémio de arquitetura do Algarve

Diretor:
Miguel Ângelo Morgado Henriques Machado Faísca
Nº de inscrição na ERC:
124728