O índice de produção na construção registou em setembro uma taxa de variação homóloga de 4,2%, revelou hoje o Instituto Nacional de Estatística (INE). Este valor é ligeiramente superior ao que foi registado em agosto (4,1%).

De acordo com aquele organismo, o segmento da Construção de Edifícios apresentou o maior contributo (3,1 pontos percentuais (p.p.) para a variação do índice agregado, com um crescimento homólogo de 5,2% em setembro (5,0% em agosto.

Por seu lado a variação da Engenharia Civil, fixou-se em 2,7%, valor igual ao observado em agosto, tendo contribuído com 1,1 p.p. para o total do índice.

No documento, o INE também informa que o índice de emprego no setor da construção registou uma taxa de variação homóloga idêntica à observada em agosto, 2,8%.

Quando comparado com o mês anterior, o índice de emprego aumentou 0,2% (variação igual em setembro
de 2017).

Partilhar: