Os novos órgãos dirigentes da Associação de Turismo do Algarve (ATA), que resultaram das eleições realizadas no passado dia 3, vão tomar posse na próxima segunda-feira.

Ao ato eleitoral apresentaram-se duas listas, uma encabeçada pelo até aí presidente, Carlos Luís, que obteve 106 votos, e outra liderada por João Fernandes, que arrecadou 116, tornando-se dessa forma o novo homem-forte da entidade que gere a promoção externa do Algarve.

João Fernandes passa, portanto, a acumular este novo cargo com o de presidente da Região de Turismo do Algarve, que já detinha. Estas duas organizações, defendeu em comunicado emitido após as eleições, “são complementares na sua ação, pelo que através da articulação dos seus papéis e da criação de sinergias entre quem define a estratégia de desenvolvimento turístico do destino e quem o promove internacionalmente, será possível obter não só uma maior rentabilização dos vários recursos disponíveis, mas também ganhar uma maior eficácia, um maior peso e um maior poder negocial para o Algarve.”

A seu lado, na direção, João Fernandes contará com os vice-presidentes Daniel do Adro, em representação da Grampiam, SA; Duarte Correia, da Associação Portuguesa das Agências de Viagens e Turismo (APAVT); João Oliveira e Sousa, da Benamor – Actividades Turística, SA; Francisco Moser, em representação da Vila Monte – Desenvolvimento de Exploração Turística, SA e Rúben Paula, da Sociedade Turística da Penina SA.

A mesa da Assembleia geral continuará a ter como presidente Álvaro Viegas (ACRAL). A secretária será Isolete Correia (da Associação Vilamoura Visitors, Residentes & Conventions Bureau) e o cargo de vogal será exercido por João Ministro (Proactivetur, Lda).

A liderança do Conselho Fiscal fica por conta de Ricardo Cipriano (Castro Marim Golf and Country Club), enquanto que Ana Sofia Almeida (Eva Sociedade Hoteleira SA) assume a vice-presidência e Lourenço Ribeiro (Verão Garantido Lda.) será o vogal.

Partilhar: