As unidades turísticas algarvias registaram, em novembro, uma taxa de ocupação global média/quarto de 44,5% 1,1pp acima do verificado no mês homólogo de 2017, revela a Associação dos Hotéis e Empreendimentos Turísticos do Algarve (AHETA).

Ao longo deste período, os empresários do setor tiveram uma faturação 3% superior face a novembro do ano passado.

De acordo com aquela associação, os mercados que apresentaram as maiores variações foram o alemão (-1,2pp, -19,6%), o britânico (+0,6pp, +6,9%), o irlandês (-0,5pp, -32,8%) e o holandês (+0,4pp, +11,9%).

Desde o início do ano, a taxa de ocupação quarto regista uma descida de 1,2% e o volume de negócios um aumento de 3,3%.

Partilhar: