O Carnaval de Loulé voltou, este ano, a assumir-se como um dos maiores e mais atractivos do país.

Ao longo de três dias (11, 12 e 13 de Fevereiro) a Avenida José da Costa Mealha foi palco de outros tantos desfiles de 14 carros alegóricos e cerca de 500 figurantes, 10 grupos de animação, 5 escolas de samba.

O mais antigo corso organizado do País teve como mote “Carnaval Summit de Loulé”, uma paródia às inovações tecnológicas e à cimeira que decorreu em Lisboa. Se em Novembro a capital do país foi invadida por empreendedores que participaram na Web Summit, nos últimos três dias foi a vez da cidade algarvia de Loulé ser tomada de assalto por milhares de foliões mascarados de nerds da tecnologia, de emojis ou de outros elementos ligados ao tema.

A influência do Brasil, fruto também da importante comunidade brasileira que reside no Concelho de Loulé, voltou a ser uma das notas deste corso sobretudo pela participação de grupos de bailarinas (e bailarinos) com o samba no pé que, através da dança, mostram também a verdadeira essência da folia carnavalesca.

Em cima dos carros, os tripulantes voltaram a ser figuras bem conhecidas do público: Ronaldo e a mãe Dona Dolores, presenças habituais deste desfile, desta vez acompanhados pelo rival do português, o argentino Lionel Messi, e por Vladimir Putin, Presidente da Rússia, país que este ano recebe o Mundial de Futebol; o Presidente da República, Marcelo Rebelo de Sousa, num carro dos bombeiros, em jeito de homenagem aos soldados da paz que combateram as chamas que fustigaram o país em 2017; António Costa, os apoiantes governamentais e a oposição num “Cruzeiro Summit”; os presidentes dos três principais clubes portugueses, com Luís Filipe Vieira a tentar proteger a Central de Emails da Águia dos caçadores Bruno de Carvalho e Pinto da Costa; Angela Merkhel e Mário Centeno, numa dança muito animada a dar força à economia europeia; ou Donald Trump junto a um dos seus grandes sonhos desde que é o líder dos Estados Unidos: a construção de um muro junto à fronteira com o México.

E as colectividades, clubes e associações de Loulé quiseram mostrar a força desta tradição, com vários elementos a contagiarem o público com a sua animação a pé ou em cima dos imponentes carros alegóricos. Foi no meio de um desses grupos que dois atores da novela da SIC  “Paixão”, que está a ser rodada em Loulé e noutras partes do Algarve – Inês Aires Pereira (“Camila Silva”) e Tiago Teotónio Pereira (“Luís Vaz”) – celebraram também a folia carnavalesca.

 

 

Partilhar: