A Assembleia Municipal de Portimão aprovou, esta quarta-feira, 4 de julho, o documento de contas consolidadas de 2017 apresentado pela Câmara.

O documento indica que o Resultado Líquido foi de 21,9 milhões de euros, mais 10,1 milhões de euros (+85,58%) que o alcançado no ano transato.

Os resultados foram considerados bons por praticamente todas as bancadas, embora com algumas nuances.

Da parte da Câmara e do PS destacou-se o facto de serem “os melhores resultados de sempre” e atribuiu-se isso, em boa medida, à gestão desenvolvida pela equipa liderada por Isilda Gomes.

Da parte da oposição, o mérito pelos bons resultados foi atribuído aos cidadãos do concelho que têm sido forçados a pagar taxas e impostos municipais pelo valor máximo.

Partilhar: