Preços na produção industrial crescem em Maio, mas menos do que em Abril

O Índice de Preços na Produção Industrial (IPPI) teve, em Maio, um crescimento de 4,1%, em comparação com o período homólogo de 2016, revela, esta Terça-feira, o Instituto Nacional de Estatística (INE). No entanto, quando comparado com Abril, verifica-se que houve uma desaceleração deste índice, uma vez que nesse mês o aumento tinha sido de 4,8%.

O INE refere que a evolução do índice foi, principalmente, determinada pelo agrupamento de Energia, que passou de uma variação homóloga de 18,7% em Abril para 16,3% em Maio, tendo apresentado também o maior contributo (2,9 pontos percentuais) para a variação do índice agregado.

Excluindo o agrupamento de Energia, os preços na produção industrial registaram um aumento de 1,4% desacelerando 0,3 p.p. face ao observado em Abril.

A secção das Indústrias Transformadoras registou uma variação homóloga de 3,1% (3,9% em Abril), da qual resultou um contributo de 2,8 p.p. para a variação do índice total.

Partilhar:

Facebook
Twitter
Pinterest
LinkedIn

Artigos Relacionados

concurso de fotografia de Lagos

Recuperação de ecossistemas destacada em concurso de fotografia de Lagos

Catorze distritos em aviso amarelo

Catorze distritos em aviso amarelo por causa do calor

REDES_Apoios pecuaria

Apoio extraordinário aos criadores das espécies bovina, ovina, caprina e equídeos afetados pelos incêndios rurais