Interpretado por Sara Gonçalves, Ricardo Martins e Nuno Martins, o Teatro Mascarenhas Gregório recebe, no próximo dia 22 de outubro, pelas 21h30, o espetáculo de fado “Cantar Amália Rodrigues”. A iniciativa, promovida pelo Município de Silves, tem entrada livre.

Neste serão, que será marcado pela interpretação dos maiores êxitos da diva do fado, não irão ser esquecidos temas como ‘Barco Negro, ‘Maria Lisboa, ‘Só à noitinha’ ou ‘Lisboa à noite’, num encontro entre o repertório inesgotável de uma voz imortal, a saudade e a melancolia na palavra cantada.

A entrada é limitada a 50 pessoas, mediante apresentação de voucher (entregue no local 1h00 antes do espetáculo).

Os telefones 282 440 800 e 282 440 850 e o endereço de correio eletrónico cultura@cm-silves.pt são os contactos do sector de Cultura do Município de Silves disponíveis para o fornecimento de informação adicional sobre o evento.

O evento cumpre as recomendações da DGS.

SINOPSE

No mês de outubro em que se recorda Amália Rodrigues, Sara Gonçalves – juntamente com os músicos Ricardo Martins, na guitarra portuguesa e Nuno Martins, na viola de fado – irá interpretar os maiores êxitos de uma das vozes mais brilhantes do século XX.

Em comum trazem a saudade e a melancolia na palavra cantada.

Do ‘Barco Negro, ao ‘Maria Lisboa, ‘Só à noitinha’ ou ‘Lisboa à noite’, serão interpretados poetas que elevaram a voz da conhecida ‘rainha do fado’.

Esta é a primeira vez que Sara Gonçalves dedica um espetáculo à sua referência e prevê-se um encontro feliz entre o repertório inesgotável, uma voz imortal e as suas reinterpretações.

Sara Gonçalves: voz

Ricardo Martins: guitarra portuguesa

Nuno Martins: viola de fado

Câmara Municipal de Silves

Partilhar: