O Município de Olhão tem investimentos já garantidos para os próximos 2 a 3 anos de mais de 15 milhões de euros. O anúncio foi feito pelo presidente da autarquia, António Miguel Pina, na passada Sexta-feira, 16 de Junho, no decorrer da sessão solene do Dia da Cidade.

O autarca destacou verbas de 5 milhões para o saneamento básico, 3 milhões para a requalificação do edificado da habitação social, 2,5 milhões para o parque escolar e 2 milhões para a requalificação da rede viária.

António Miguel Pina realçou, ainda, aquela que considera ser “a obra que vai mudar a face da cidade de Olhão e projectar a frente ribeirinha para os próximos 20 anos”, a requalificação da Avenida 5 de Outubro e dos jardins Pescador Olhanense e Patrão Joaquim Lopes.

O presidente da Câmara aproveitou para fazer um balanço do trabalho realizado ao longo do mandato, tendo, ao nível financeiro, sublinhado a redução do endividamento da autarquia que, desde 2013, sofreu um corte de mais de 13,3 milhões de euros, o que foi conseguido através de “uma gestão de gastos controlada sem, contudo, emagrecer os apoios na Educação, no Desporto e na Acção Social”.

Esta cerimónia ficou, também, marcada pela assinatura do contrato de concessão da requalificação, modernização e exploração do porto de recreio de Olhão, que contou com a presença da Ministra do Mar, Ana Paula Vitorino, e do Secretário de Estado das Pescas, José Apolinário.

A concessão estender-se-á pelo período de 35 anos, e prevê um investimento de 3,35 milhões de euros.

 

Partilhar: