O Orçamento da Câmara de Portimão para o próximo ano vai ser de 60 milhões de euros, anunciou a presidente da autarquia, Isilda Gomes, no discurso que proferiu, esta Segunda-feira, 11 de Dezembro, na sessão oficial do Dia da Cidade.

A autarca referiu que este Orçamento vai marcar “um virar de página” na vida da autarquia, em que “o enfoque deixará de ser as contas por pagar, passando a ser os projectos a realizar”.

Isilda Gomes fez um balanço muito positivo da gestão económica e financeira feita ao longo deste ano, que permite garantir para o próximo ano uma verba de cerca de 10 milhões de euros para investimento.

A manutenção e reabilitação dos espaços verdes e da vias de comunicação, o arranque do processo de construção de um novo cemitério e o início da intervenção da ampliação do jardim-de-infância de Montes de Alvor são alguns projectos que integram o documento.

As novas tecnologias marcaram a cerimónia, que teve como convidada a professora Isabel Alçada, que partilhou com os presentes alguma da sua experiência ao nível da “Promoção da Leitura na Era Digital” e na forma como esta abre as portas a novos desafios e um mundo novo de saberes, partilha de conhecimentos e formas de estar com o outro.

Igualmente participaram na sessão quatro alunos da Escola Básica José Sobral, pertencentes ao Agrupamento de Escolas da Bemposta, que relataram as surpresas que tiveram – e o que aprenderam – ao ler o livro digital “Portimão”, integrado na Plataforma Digital dos Concelhos de Portugal e recentemente disponibilizado em todas as Bibliotecas Escolares do Município.

A música que pontuou o evento também teve uma componente tecnológica e foi assegurada pelo colectivo ContraBASE Lab da Contramaré- Associação Cultural de Portimão.

A sessão foi antecedida de um minuto de silêncio em memória de Hélder Renato, líder da concelhia local do PSD, ex-deputado municipal em Portimão, que, actualmente, exercia as funções de presidente da Câmara de Monchique, vítima, aos 44 anos de idade, de uma paragem cárdio-respiratória.

Partilhar: