O Jornal de Negócios adianta, na sua edição desta Quarta-feira, 4 de Outubro, que o fundo norte-americano Lone Star colocou o empreendimento de Vilamoura à venda. Adianta ainda que há interessados, mas que o negócio não deverá ficar concluído antes do final do ano.

O negócio integra activos como terrenos para promoção imobiliária e a Marina de Vilamoura, que conta com um total de 825 postos de amarração.

O empreendimento havia sido adquirido pela Lone Star por cerca de 200 milhões de euros em Março de 2015.

Uns meses depois era anunciado um plano de desenvolvimento de projectos imobiliários e renovação da marina, que, segundo foi referido, na altura, envolveria investimentos na ordem dos mil milhões de euros.

Segundo refere o jornal, pelo menos um desses projectos, o do Vilamoura Lakes, antes conhecido como Cidade Lacustre e distinguido como Projecto de Potencial Interesse Nacional (PIN), não deverá entrar no negócio, devendo permanecer na posse da Lone Star que, eventualmente, poderá vir a implementá-lo.

Partilhar: