A Câmara de Loulé aprovou a atribuição de um montante de 1.029.821 euros a 30 instituições particulares de solidariedade social do concelho.

Este apoio será canalizado para áreas como o desenvolvimento das atividades sociais, manutenção e renovação de edifícios e eficiência energética, bem como apoio na aquisição de equipamentos e de viaturas.  

As associações que irão receber este apoio são as seguintes: Associação Social e Cultural de Almancil; Associação de Saúde Mental do Algarve; Associação de Bem Estar dos Amigos de Querença;  Associação Juvenil Akredita em Ti; Associação Humanitária de Doentes de Parkinson e Alzheimer; DOINA – Associação de Imigrantes Romenos e Moldavos do Algarve; Associação Esperança e Paz; Associação Poeta Aleixo; Associação Pró-Beneficiência e Progresso de Alte; Associação Social para o Progresso e Bem-Estar da freguesia de Benafim; Associação Social e Cultural da Tôr; Casa da Primeira Infância; Casa do Povo do Ameixial; Centro de Animação e Apoio Comunitário da Freguesia de Alte; Centro Apoio Criança de Quarteira; Centro Social e Comunitário de Vale Silves; Centro Paroquial de Quarteira; Cruz Vermelha Portuguesa – Delegação Faro / Loulé; EXISTIR – Associação para Intervenção e Reabilitação de Populações Deficientes e Desfavorecidas; Fundação António Aleixo; Grupo de Amigos de Salir; Instituição de Solidariedade Social da Serra do Caldeirão; Liga dos Combatentes – Núcleo de Loulé;  MAPS – Movimento de Apoio à Problemática da Sida; Nova Terra – Cooperativa de Habitação e Construção Económica de Loulé CRL; NT Social – Cooperativa de Solidariedade de Loulé; Santa Casa da Misericórdia de Boliqueime; Santa Casa da Misericórdia de Loulé; UNIR – Associação dos Doentes Mentais, Famílias e Amigos do Algarve e Colégio Origami, CRL.

Partilhar: