A Associação Turismo do Algarve (ATA), agência responsável pela promoção da região junto dos mercados externos, tem vindo a investir na actualização e na melhoria dos seus canais de comunicação online.

Neste âmbito, o site oficial da ATA – www.algarvepromotion.pt – passou a assumir um comportamento “responsive”, permitindo a adaptação dos seus conteúdos às características do dispositivo a partir do qual está a ser consultado (computador, smartphone, tablet…), de forma a facilitar e a melhorar a experiência do utilizador na pesquisa e consulta de informação. Esta nova versão do site inclui ainda uma área restrita exclusiva para os associados da ATA, onde estes poderão ter acesso a um conjunto de informação útil e privilegiada tal como estudos, circulares, análises de mercado, comunicados de imprensa em diversos idiomas, entre outros dados que não estão disponíveis para quem não for associado.

Paralelamente, a ATA acaba de lançar um novo microsite exclusivamente dedicado ao “cycling & walking”, dois produtos estruturados que têm vindo a conquistar uma projecção e uma procura crescentes no segmento do turismo de natureza. Em www.cyclingwalkingalgarve.pt, os visitantes poderão aceder a uma plataforma online, que reúne um conjunto de informação especializada sobre estes produtos na região, nomeadamente a indicação das grandes rotas existentes devidamente sinalizadas para a prática destas actividades, uma listagem das principais empresas do Algarve (associadas da ATA) que prestam serviços nesta área, uma série de dicas e recomendações úteis para os turistas que viajam em modo de “self-guided” e ainda informações úteis sobre o destino e a sua oferta complementar, com destaque para a cultura, a história e a gastronomia locais.

Neste momento os mercados que mais procuram este tipo de turismo no Algarve são o Reino Unido, a Holanda e a Alemanha. Por esta razão, e dado o interesse crescente de outros mercados que começa a emergir, estão previstas, para breve, versões deste microsite dedicado ao cycling & walking em novos idiomas para além do português e inglês apresentados actualmente.

 

Partilhar: