O índice de produção industrial passou de uma variação homóloga de -3,3% em janeiro para -2,5% em fevereiro, informa o Instituto Nacional de Estatística (INE).

De acordo com aquele organismo, “os agrupamentos de Bens Intermédios e de Energia, com contributos de -0,3 p.p. e de -3,0 p.p., respetivamente, determinaram a variação negativa do índice agregado”.

No primeiro destes agrupamentos, a variação homóloga situou-se em -0,8% (-3,1% no mês anterior), enquanto no segundo passou de -5,8%, em janeiro para -17,7% em fevereiro.

Também o índice do agrupamento de Bens de Consumo passou de uma taxa de variação de negativa em janeiro (-5,2%), para uma variação positiva em fevereiro (0,8%). O agrupamento de Bens de Investimento aumentou 3,5% repetindo o valor do mês anterior.

Partilhar: