A Câmara de Silves decidiu avançar com a elaboração do Plano de Pormenor de Vales de Algoz, o qual deverá ficar concluído no prazo de 330 dias.

O respetivo aviso foi publicado hoje em Diário da República e, no decorrer do período de consulta pública, que tem lugar entre 5 a 26 de agosto, os interessados podem apresentar sugestões e informações, endereçando-as ao Vereador Permanente da Câmara Municipal de Silves com o pelouro do Ordenamento do Território e Urbanismo, utilizando para o efeito o impresso próprio.

Podem, igualmente, consultar os termos de referência, a minuta da proposta de contrato e a qualificação da elaboração do Plano para efeitos de avaliação ambiental estratégica, bem como os formulários para apresentação de sugestões na página da Câmara Municipal de Silves ou na Divisão de Ordenamento e Gestão Urbanística, Ordenamento do Território e na Junta de Freguesia de Algoz Tunes.

O novo Plano de Pormenor permitirá que o espaço industrial de Vales de Algoz que constitui uma área de acolhimento de atividades económicas possa ser aumentado; viabilizar a continuidade de um espaço de atividades económicas, neste momento já com algum estrangulamento e aproveitar economias de oportunidade, ao responder a um mercado em crescendo e que carece de se robustecer para suportar momentos menos positivos na conjuntura, respondendo à solicitação existente.

Em comunicado, a autarquia diz que, desta forma, se vai ao encontro do interesse manifestado pelos promotores em promover o crescimento do espaço e reforçar o investimento em Algoz. Ao mesmo tempo, é uma forma de otimizar o investimento efetuado ao consolidar áreas adjacentes ao perímetro existente e valorizando as infraestruturas presentes e reforçando a sua sustentabilidade e de potenciar a localização desta área, localizada na proximidade ao IC1, à A2, à A22 e à rede ferroviária.

Partilhar: