Vai decorrer, entre 30 de Abril e 25 de Maio, mais uma edição do Orçamento Participativo do Município de Loulé.

Numa primeira fase, os cidadãos são convidados a apresentar as propostas que pretendam ver incluídas no orçamento do próximo ano da autarquia. Para isso devem participar numa das 11 sessões/assembleias participativas que vão decorrer, sendo o calendário o seguinte: Salir – 30 Abril, 21h00, Junta de Freguesia; Alte – 3 Maio, 21h00, Casa do Povo de Alte; Ameixial – 5 Maio, 15h00, Junta de Freguesia; Querença – 7 Maio, 21h00, Casa do Povo de Querença; Tôr – 9 Maio, 21h00, Sociedade Recreativa Torense; Benafim – 11 Maio, 21h00, Sport Clube Benafim; S. Sebastião – 14 Maio, 15h00, Junta de Freguesia; S. Clemente – 16 Maio, 21h00, Sala da Assembleia Municipal; Almancil – 18 Maio, 21h00, Escola EB 2,3 Prof. António de Sousa Agostinho; Boliqueime – 23 Maio, 21h00, Centro Comunitário de Vale Silves; Quarteira – 25 Maio, 21h00, Centro Autárquico.

Em cada uma das sessões serão seleccionados alguns do projectos apresentados que, numa segunda fase, serão avaliados tecnicamente pelos serviços técnicos da autarquia. Os que passarem a este teste serão, na fase final, votados pelos cidadãos que o queiram fazer e os que obterem mais votos ganharão o direito a ser concretizados.

A verba disponível para projectos de investimento propostos por parte dos cidadãos e munícipes duplica face às edições anteriores, passando dos €600.000 para o valor de €1.200.000. Este montante faz do Orçamento Participativo do Município de Loulé um dos maiores a nível nacional.

Partilhar: