A Câmara Municipal de Lagos vai ter em 2018 um orçamento de 59,4 milhões de euros. O documento, que já foi aprovado pelo executivo camarário, vai ser analisado e votado pela Assembleia Municipal em sessão a ter lugar na próxima Quarta-feira, a partir das 20H30.

Em comparação com o orçamento deste ano, há um acréscimo de 9,3 milhões, o que significa um aumento substancial, de 18,7%.

A presidente da Câmara, Joaquina Matos, reconhece que se vive um “momento financeiro mais favorável”, a que atribui a “um processo de estratégia, empenho e rigor, que nos permitiu a redução da dívida e dos prazos de pagamento a fornecedores, mas também assente nos diversos programas financeiros comunitários”.

A política habitacional, a qualificação do ambiente urbano, a melhoria das acessibilidades e da mobilidade, assim como a limpeza urbana e a requalificação do património histórico-cultural e valorização e promoção dos recursos naturais serão as áreas prioritárias de acção definidas pela autarquia para o próximo ano.

Partilhar: