Pelo segundo ano consecutivo, o Município de Olhão voltou a estar presente no Salão do Imobiliário e do Turismo, em Paris, organizado pela Câmara de Comércio e Indústria Franco-Portuguesa que decorreu no Centro de Exposições Porte de Versailles de 18 a 20 de maio. Olhão foi o único município algarvio representado entre os 170 expositores.

Os três dias do certame serviram para mostrar ao público francês as oportunidades que Olhão tem para oferecer nos sectores do imobiliário e do turismo, bem como para estabelecer contcatos e parcerias com vista à internacionalização das empresas olhanenses no mercado gaulês.

Este último objetivo materializou-se na assinatura de um protocolo entre a Câmara Municipal de Olhão e a Câmara de Comércio e Indústria Franco-Portuguesa, onde esta última se compromete a auxiliar as empresas sediadas em Olhão no processo de implantação no mercado francês e a prestar aconselhamento e acompanhamento nas suas deslocações comerciais àquele país.

Para além disso, a Câmara de Comércio e Indústria Franco-Portuguesa irá, ainda, divulgar a cultura, a gastronomia e os recursos naturais, patrimoniais e arquitectónicos do concelho em França, bem como divulgar os produtos e serviços das empresas olhanenses junto do mercado francês.

A comitiva do município de Olhão integrou, para além do presidente da autarquia, António Miguel Pina, diversos  representantes de várias empresas locais ligadas aos sectores do imobiliário e do turismo.

No que diz respeito à divulgação de produtos locais, Olhão apostou nas conservas Manná, nos licores Fazenda do Cré e no azeite Terras de Olhão.

No final do certame, que contou com a presença da secretária de Estado do Turismo portuguesa, Ana Mendes Godinho, o presidente do município olhanense, António Miguel Pina, fez um balanço muito positivo de mais uma deslocação a Paris.

O autarca referiu que “a nossa presença na edição deste ano é uma consequência directa do sucesso que registámos o ano passado, quer em termos da divulgação dos atractivos do concelho ao público francês, quer em termos do volume de negócios aqui gerado pelas empresas que nos acompanham. Esse sucesso é facilmente constatável através do número crescente de franceses que apostam em Olhão para passar férias ou para adquirir a sua casa de habitação permanente”.

Partilhar: