A hotelaria do Algarve registou perto de 400 mil hóspedes e 1,8 milhões de dormidas em Outubro, o que corresponde a variações homólogas de 5,5% e 4,8%, respectivamente.

Os dados são divulgados pelo Instituto Nacional de Estatísticas (INE) que adianta que as dormidas do mercado interno indicam uma subida acentuada, de 17,8%, enquanto as dormidas dos mercados externos registam um aumento mais moderado, de 3,3%. Os dados da actividade turística regional de Outubro assinalam ainda o crescimento dos proveitos totais em 11,2%, para 84,7 milhões de euros.

Nos dez primeiros meses do ano, os hotéis do Algarve receberam um total de 3,8 milhões de hóspedes (+4,9% do que em 2016), que geraram 17,9 milhões de dormidas (+5,4%) e proveitos totais que ascendem aos 982,8 milhões de euros (+13,3%).

No mês de Outubro foi igualmente anunciado pela Algarve Golfe uma cifra nunca antes alcançado nos campos algarvios, acima das 170 mil voltas de golfe, que acresce 6% em relação ao ano anterior. Entre Janeiro e Outubro registam-se 1,17 milhões de voltas de golfe acumuladas na região. Já o Aeroporto de Faro movimentou em Outubro mais 8,5% de passageiros e acumula um crescimento de 15,4% nos dez primeiros meses do ano.

 

Partilhar: