A taxa de ocupação nas unidades de alojamento algarvias foi, em outubro, de 71,2%, de acordo com os dados mensais hoje divulgados pela Associação dos Hotéis e Empreendimentos Turísticos do Algarve (AHETA).

Este valor representa, pelas contas dos técnicos daquela entidade, uma diminuição de 1% em relação ao mês homólogo de 2017.

Os mercados que mais contribuíram para esta diminuição foram o britânico (-6,8%), o holandês (-13,4%) e o irlandês (‑6,5%). O mercado nacional foi o que apresentou a maior subida (+14,5%), atenuando a descida verificada.

Em sentido contrário ‘andou’ o volume de vendas, que subiu 3,5% face ao período homólogo.

A AHETA acrescenta que, desde o início do ano, a taxa de ocupação/quarto regista uma descida de 1,5% e o volume de negócios um aumento de 3,1%.

Partilhar: