A Groundforce Portugal vai retomar a operação “full handling” (operações em pista e tratamento de bagagens) no Aeroporto de Faro, depois de uma ausência de cerca de 7 anos.

A cerimónia que marca o arranque desta nova fase no Aeroporto de Faro decorre na Segunda-feira, 2 de Abril, pelas 11 horas, e será presidida por Paulo Neto Leite, Presidente Executivo da Groundforce Portugal.

Para assegurar a operação, revela a empresa, em comunicado, “foram criados 115 postos de trabalho e, a médio prazo, a Empresa prevê a contratação de mais 25 colaboradores, o que perfaz um total de 140 postos de trabalho”, num investimento que “totaliza um valor superior a 2,5 milhões de euros”.

No Aeroporto de Faro, a Groundforce Portugal vai assistir as companhias TAP, British Airways, Iberia, BA City Flyer, Vueling, Aer Lingus, Small Planet e Aigle Azur.

A Groundforce Portugal passa, assim, a marcar presença em cinco aeroportos: Lisboa, Porto, Funchal, Porto Santo e Faro.

Partilhar: