A banda “Melomeno Rítmica” e a dupla de DJs “Bubba Brothers” serão os protagonistas da festa de fim de ano de Faro, que se desenvolve no Palco da Doca, com entrada livre.

A festa começa às 23h00, com a atuação dos “Melomeno Rítmica”, banda fundada em Faro, em meados dos anos 90, com um estilo musical pop-rock cantado em português. Após término em 2005, o grupo volta agora a juntar-se na passagem do ano em Faro.

Os Melomeno Rítmica começaram a evidenciar-se no panorama musical do sul do país com alguns concursos ganhos, destacando-se o Maio Jovem (concurso de música a nível nacional), que possibilitou a gravação de um EP com três temas. 

Das suas várias atuações pelo país, destaca-se a passagem na “Expo 98” e vários espetáculos em semanas académicas por todo o Algarve.

Quando o relógio marcar meia-noite, será lançado o habitual fogo-de-artifício piromusical e 2020 começará na baixa da cidade, ainda ao som de Melomeno Rítmica que estará em palco até perto das 00h30, altura em que terá início a atuação dos Bubba Brothers, dupla formada pelos Dj’s algarvios Eliseu Correia e Justino Santos.

Os últimos artistas que irão animar a festa são conhecidos pela sua irreverência e legião de fãs que assiste aos espetáculos de t-shirt alusiva à dupla. O projeto teve início em 2015, começando por ser apenas uma “brincadeira” com atuações junto de amigos. A dupla rapidamente se tornou viral, tornando-se presença assídua nos melhores clubes e festivais regionais.

Os Bubba Brothers já marcaram presença em eventos como o Dancefloor Leiria, Festival F, Semana Académica de Faro, RFM Fridayboyz e na catedral da música house, Ministry of Sound, em Londres. O som produzido vai desde o House ao Funk, do Techno ao Rock, sendo a “ementa” musical escolhida sempre de acordo com o público presente.

Este ano lançaram o seu primeiro original “ Carla’s Beat” que chegou ao 21.º lugar do Top 100 da Beatport. 

A festa da passagem de ano é uma organização conjunta da Câmara Municipal de Faro, Ambifaro, ACRAL, Associação de Desenvolvimento Comercial da Zona Histórica de Faro e a Associação Cultural e Ativista da Baixa de Faro.

Partilhar: