Com a tomada de posse como deputada de Joaquina Matos, o presidente da Câmara de Lagos passou a ser Hugo Pereira.

Numa das primeiras intervenções feitas nessa qualidade, no decorrer da sessão solene do Dia do Município, Hugo Pereira afirmou não pretender uma rotura com o passado, mas sim concretizar os projetos idealizados em conjunto com a sua antecessora.

A construção de novas habitações municipais; a implementação da Polícia Municipal; a conclusão da obra de renovação e ampliação do Museu Municipal Dr. José Formosinho e a reabilitação da estrada que liga Lagos à Vila da Luz e da estrada da Meia Praia são algumas das prioridades referidas.

Isto a par da concretização da segunda fase da requalificação da Ponta da Piedade; a preservação do cordão dunar da Meia-Praia; a concretização da obra da nova Escola EB1 + JI da Luz e da requalificação das Muralhas e Torreões de Lagos.

O combate às alterações climáticas, o aprofundamento do diálogo com os agentes económicos e a captação de investimento em áreas como a agricultura, pescas, empreendedorismo e tecnologia, foram também identificadas como áreas estratégicas para garantir um desenvolvimento sustentável do Município.

O autarca prometeu, ainda, insistir junto do governo para que desenvolva inicitivas que promovam “a melhoria das condições de saúde dos algarvios, a eletrificação da linha ferroviária que serve a região, obra essencial e inadiável, assim como a liberalização da utilização da A22, passando esta via a estrada nacional e isentando a cobrança de portagens”.

Partilhar: