Sara Silva sucede a Carlos Gracias como presidente da Comissão Vitivinícola do Algarve (CVA). A tomada de posse dos órgãos recentemente eleitos teve lugar na passada quarta-feira, 24 de abril.

A nova presidente daquele organismo tem 34 anos e exerce, desde 2010, as funções de Responsável de Qualidade na instituição que agora passa a dirigir.

Para além de Sara Silva fazem parte da Direção para o triénio 2019/2021 os vogais Edite Alves, em representação da Produção (CAP) e Rui Virgínia, em representação do Comércio.

O Conselho Geral da CVA é formado por: AAC – Alcantarilha Agrícola e Comercial, Lda, Turinox – Sociedade Industrial e Comercial de Equipamentos Hoteleiros, Lda e José Manuel Cabrita, em representação da produção. A zelar pelos interesses do comércio passam a estar a Casa Santos Lima – Companhia das Vinhas, S.A, a Quinta dos Vales Agricultura e Turismo, Lda e a Quinta do Morgado da Torre – Sociedade de Exploração Agrícola e Pecuária.

Partilhar: