A Câmara de Loulé vai ter, no próximo ano, um Orçamento de, praticamente, 160 milhões de euros. O documento já foi aprovado em reunião do executivo camarário e será agora analisado e votado pela Assembleia Municipal.

Em comunicado, a autarquia informa que “o apoio às famílias, a promoção da habitação, a educação, a saúde, a adaptação às alterações climáticas ou a redução fiscal por forma a atrair investimento continuam a ser as principais linhas orientadoras da política municipal”.

Prosseguindo a Estratégia Local de Habitação aprovada em 2019 e que irá dar apoio direto a 1400 agregados familiares no acesso à habitação até 2030, no próximo ano, acrescenta-se, “serão dados passos importantes na construção de fogos de habitação em Salir, Ameixial e Alte, para além da conclusão dos projetos no loteamento da Clona (Loulé)”.

Nas freguesias de Almancil e Quarteira, a Estratégia Local de Habitação está ainda numa fase de identificação de lotes e terrenos com vista à construção naqueles territórios do concelho.

No que concerne à educação, o principal investimento em curso diz respeito à construção da Escola EB2,3 D. Dinis em Quarteira. Mas a Autarquia de Loulé pretende igualmente promover a construção de duas escolas básicas do 1º Ciclo – em Loulé e Quarteira -, bem como uma nova creche na cidade de Quarteira (Forte Novo), dando resposta ao aumento verificado na comunidade escolar nestes ciclos de ensino, nos últimos anos. Em Quarteira ainda está prevista a construção de uma nova escola para o ensino especializado da dança.

Na área da saúde, salienta-se o início da construção do novo edifício de saúde da cidade de Loulé, uma unidade que irá integrar o agrupamento de Centros de Saúde Central – ACES Central, Unidade de Saúde Familiar – Lauroé, Unidade de Cuidados de Saúde na Comunidade – Gentes de Loulé e Centro de Saúde Universitário. Irão igualmente arrancar os projetos para ampliação e melhoramentos ao nível das instalações dos Centros de Saúde de Almancil e de Quarteira.

O orçamento para 2020 prevê também uma fatia substancial com vista a aumentar o acesso ao abastecimento de água e esgotos com uma cada vez maior rede de cobertura no concelho. Clareanes, Malhada Velha e Carvalhal, Vale Telheiro ou a rede de águas e esgotos ao longo da EN 125 entre a Maritenda e Quatro Estradas são algumas das intervenções em curso ou que irão arrancar.

Relativamente ao acesso ao Desporto e Cultura, há a destacar dois importantes investimentos pelo impacto que terão junto das comunidades: o Centro de Educação e Cultura de Quarteira ou o Pavilhão Desportivo Multiusos em Almancil, ambas atualmente em fase de concurso público.

Partilhar: