A Câmara de Loulé aprovou por unanimidade, em reunião do seu executivo, o lançamento do concurso público de conceção e posterior ajuste direto do Edifício de Serviços de Saúde da Cidade de Loulé.

Esta decisão surge após ter, entre 13 a 27 de junho, ter decorrido o período de apresentação e votação pública das propostas concorrentes para a conceção do edifício. Foram duas as propostas apresentadas para votação, tendo os cidadãos tido a oportunidade de escolher o projeto da sua preferência através de boletim de voto, sendo esta uma das etapas do processo de escolha da proposta vencedora que teve um peso de 5% na seleção final.

Após a aplicação de todos os critérios de seleção, o júri designado para o efeito classificou o concorrente Bruno André & Francisco Ré, Lda em primeiro lugar, candidato a quem se propõe a abertura do procedimento de ajuste direto para adjudicação.

Projetado num terreno cedido pelo município, junto às atuais instalações do Centro de Saúde de Loulé, este Edifício de Serviços de Saúde será criado de raiz, no âmbito de uma parceria entre a administração central e local.

Esta nova unidade irá integrar o agrupamento de Centros de Saúde Central – ACES Central, Unidade de Saúde Familiar – Lauroé, Unidade de Cuidados de Saúde na Comunidade – Gentes de Loulé e Centro de Saúde Universitário. Esta obra representa um investimento na ordem dos 3.700.000 euros, dos quais 65% serão suportados pela Câmara e os outros 35% ficarão a cargo da Administração Regional de Saúde.

Partilhar: