Em Dezembro, o valor médio de avaliação bancária, realizada no âmbito de pedidos de crédito para a aquisição
de habitação, subiu para 1.150 euros/m2, mais 6 euros (0,5%) do que no mês anterior, revela o Instituto Nacional de Estatísticas (INE).

O organismo refere que “este valor representa um aumento de 0,5% em relação ao registado no mês precedente e de 4,5% face ao mesmo mês do ano anterior”.

Em comparação com o mesmo período do ano anterior, as avaliações bancárias de apartamentos e de moradias
aumentaram 5,0% e 4,0%, respectivamente. A maior taxa de variação homóloga, para o conjunto das regiões, verificou-se no Algarve (8,8%).

Também em valores absolutos, a região algarvia é a que apresenta os valores mais elevados. No que diz respeito aos apartamentos, o valor médio mais elevado foi registado no Algarve (1.456/m2), enquanto que a média nacional foi de 1.200 euros/m2.

Também nas moradias, o valor mais elevado é o da região algarvia, com 1.435 euros/m2, bem acima da média do país que foi de 1.067 euros/m2.

Partilhar: